Ideias para curtas-metragens: Inspire-se para contar uma história.

Um ótimo curta-metragem pode ser seu ponto de entrada no mundo da produção cinematográfica. Descubra como aproveitar a inspiração e tirar sua ideia do papel.

Uma equipe de produção de vídeo filmando uma cena externa com um ator andando no deserto

Os contos do mundo do cinema.

Um conto pode ser tão interessante quanto um romance. Bons curtas-metragens contêm os mesmos elementos que bons longas: um incidente interessante, um conflito e uma resolução. A única diferença é a duração. É possível criar curtas de todos os gêneros: documentário, drama, terror, romance e muito mais.

 

“Um curta-metragem é um trecho. Podem ser dois minutos, podem ser 23”, diz a diretora de cinema Helen Alexis Yonov. “Mas ele representa uma fatia da vida, com começo, meio e fim completos que se mantêm por si só. Acho que os curtas-metragens devem ser respeitados porque é difícil criar algo que tenha significado em oito minutos.” Um bom curta-metragem pode influenciar o público, ganhar prêmios em festivais de cinema e se tornar o seu cartão de visita para uma produção cinematográfica ou de vídeo.

 

Filmes de até 15 minutos podem participar de festivais.

Os curtas-metragens geralmente têm de 5 a 15 minutos de duração. Alguns são mais longos, outros, mais curtos. Os microcurtas têm menos de cinco minutos. Quando se chega a 50 minutos, temos um longa-metragem. “Como regra geral, eu diria para mantê-lo abaixo de 15 minutos por causa da duração dos festivais de cinema”, diz Yonov. “Se você tem algo interessante com cerca de oito minutos, já é o suficiente. Um curta-metragem dirá por si só quanto tempo ele precisa ter.”

 

Pense em ideias de curta-metragem.

Assim como vídeos curtos no mundo de marketing, o sucesso de um curta-metragem depende do engajamento do público. Mas talvez mais importante, uma boa história para um filme vem de uma ideia que primeiro cativa o roteirista. O objetivo é apresentar ideias de roteiro que são importantes para você e depois encontrar uma maneira de torná-las interessantes para o público.

 

“Seja inovador. Seja cativante. E crie mais do que motiva você como cineasta”, diz Yonov. “Você não deve pensar apenas no seu público, se ele vai gostar e se vai manter seu emprego. Pense também em agradar a si mesmo.”

 

Procure ideias de histórias aonde quer que você vá.

A inspiração para um filme pode vir de qualquer lugar: uma conversa ouvida por acaso, uma bela pintura, uma história no noticiário. Momentos significativos na sua própria vida, reflexões sobre a vida dos outros ou eventos da vida real podem dar origem a um filme.

 

Conforme pensa em ideias de filmes, lembre-se de que você só precisa de uma faísca para acender a luz. “Às vezes, eu leio um artigo em uma revista e penso: 'Uau, isso é fascinante'. Vamos pegar todo o resto e jogar fora, mas guardar essa pequena pérola para trabalhar nela”, diz Yonov. “O importante é encontrar a joia na história, o que chama a atenção.”

 

Treine-se para estar aberto à inspiração e mantenha-se ocupado com novas experiências, mesmo que seja apenas assistir a um novo filme, ler um novo livro ou visitar uma nova cafeteria. Quando sair, leve um caderno ou use o aplicativo de anotações no seu telefone para ter sempre um lugar onde anotar suas ideias.

Uma pessoa sentada e escrevendo em um caderno

“Eu invento uma história ali na hora e depois escrevo um pequeno resumo dela no aplicativo de anotações do meu telefone”, diz o diretor de cinema Jhosimar Vasquez. “Depois volto a ela quando chego em casa e tento expandi-la e esmiuçá-la.”

 

Pergunte-se: “E se...?”

Se você estiver com dificuldade em criar uma história completa a partir da sua experiência, faça a si mesmo algumas perguntas do tipo “e se” sobre os eventos. E se seu ex aparecesse na sua porta? E se aquele homem que você viu no metrô estivesse a caminho de encontrar o pai pela primeira vez? E se a notícia que você acabou de ler tivesse sido contada de outra perspectiva?

 

Siga sua intuição.

Uma maneira de se inspirar é contar histórias baseadas em questões sociais com as quais você se preocupa. “Tento conectar minhas ideias a algo verdadeiro na vida”, diz Vasquez. “Sinto que tenho que contar uma história ao mundo quando ela faz bem.”

 

Tente encontrar uma emoção relacionada a um evento e veja como você pode transmitir isso ao público. “Pergunte-se: 'O que você quer que os espectadores sintam?' Parta do sentimento que você sentiu no momento. Essa deve ser sua origem”, diz Vasquez. “Uma vez eu estava vendo imagens de uma garota fugindo da Síria. Eu absorvi a realidade para sentir o que ela estava sentindo. Sentir a emoção do outro é o caminho para um grande roteiro.”

 

Um curta-metragem pode reenquadrar um momento difícil na sua própria vida ou na de outra pessoa em algo que ajude os outros. “Vejo traumas na minha vida. Vejo em todos os lugares, todos os dias”, diz Vasquez. “A produção de filmes é uma forma de sair da minha zona de conforto e transformar o trauma em outra coisa, de transformá-lo em algo mais.”

 

Escreva curtas-metragens de sucesso.

Um roteiro de curta-metragem deve ter de 5 a 15 páginas. Normalmente, uma página de escrita equivale a um minuto de filme. Simplicidade. Pode ser fácil se deixar levar e tentar incluir muita coisa em um curta. “Você precisa seguir apenas uma ideia, uma linha.” diz Yonov. “É como estar em uma floresta, você tem todos esses caminhos que pode percorrer. Siga um caminho, ou vai se perder.”

 

Uma pessoa sentada em uma mesa usando seu laptop

Entregue seus rascunhos a pessoas de sua confiança que podem lê-los e dar feedback. O processo de crítica ajudará você a cortar o que não esteja diretamente relacionado ao enredo principal. Mas você não precisa seguir todo o feedback, confie nos seus instintos quando se trata de contar sua história.

 

Conheça seus personagens.

Quanto mais você moldar seus personagens como pessoas completas, mais fácil será escrever sobre eles. Mesmo para um curta-metragem, crie um detalhamento de personagens para todos os seus personagens principais. Faça como um jogo de 50 perguntas.

 

As ações e reações dos seus personagens parecerão mais realistas se elas se basearem nesses detalhamentos. Por exemplo, um personagem pode ser impassível com o pai em uma cena por causa de um relacionamento difícil. “Você não fica se perguntando como seu personagem vai reagir”, diz Yonov. “Em vez disso, o diálogo vem naturalmente, porque você sabe como é o personagem.”

 

Capriche na direção de arte.

Nem todos os curtas-metragens requerem storyboards completos de como será cada cena, mas você deve pensar em como deseja que seus personagens e os ambientes apareçam. Comece com um quadro de ideias ou um lookbook visual para seus personagens, locais e a aparência desejada da sua cinematografia. Inclua suas próprias fotos ou imagens inspiradoras que encontrou na pesquisa.

 

Um quadro de ideias ou lookbook ajudará a equipe a entender sua visão para que possa ajudar a alcançá-la. Quanto mais detalhes você fornecer, melhor. “Comecei a fazer painéis de ideias mais elaborados, em que falo de sombras, música, iluminação, ângulos, tons”, diz Vasquez. “Preparei uma apresentação de 40 páginas para meu diretor de fotografia.”

 

Financie e grave seu curta-metragem.

Encontre financiamento.

A menos que você seja um Coppola, seu primeiro curta-metragem será um filme indie ou independente. Isso significa que você não terá o apoio monetário de um grande estúdio ou de uma produtora de Hollywood. Os baixos orçamentos dos cineastas de primeira viagem são um desafio, mas isso pode ser resolvido.

 

“Se você tem dinheiro, invista em si mesmo. Se não, encontre pessoas que investirão em você e na sua equipe”, diz Yonov. “Então pegue sua câmera, seu iPhone, qualquer coisa que você tenha e comece a gravar. Não deixe que o fato de não ter US$ 100.000, US$ 50.000 ou US$ 10.000 o impeça.”

Uma equipe de produção de vídeo filmando uma cena com uma pessoa e o filho sentados na praia
Um diretor cumprimentando um ator infantil em um cenário de produção de vídeo na praia

Imagens de Jhosimar Vasquez

Monte uma equipe de filmagem.

Para entrar na indústria cinematográfica, é preciso fazer conexões com outras pessoas que tenham os mesmos objetivos que você. Talvez elas concordem em trabalhar gratuitamente no seu filme ou com muito pouco pagamento se você se oferecer para retribuir o favor. Mas nunca deixe que o orçamento atrapalhe a alimentação. “Alimente sempre muito bem sua equipe. Uma equipe de estômago vazio, não é feliz”, diz Yonov.

 

Faça parcerias com outros cineastas que terão prazer em trabalhar com você no futuro. E se tiver sorte, encontrará mentores ao longo do caminho com mais experiência do que você. “Cerque-se de pessoas que sabem mais do que você,” diz Yonov. “Meu cineasta sabe mais sobre lentes, cor e profundidade de campo do que eu jamais saberei.”

 

Edite seu curta-metragem.

Encontre tudo para editar seu filme com o Adobe Premiere Pro, como adição de transições suaves, clipes de áudio do Adobe Stock e títulos profissionais. Tudo isso em um só aplicativo. Depois, quando terminar seu filme, exporte-o em qualquer formato.

 

Inscreva-se em festivais de curtas-metragens.

Inscrever-se em um festival pode ajudar a definir um prazo para terminar seu projeto e a compartilhá-lo com o mundo. Ganhar prêmios em alguns festivais também pode qualificar seu curta-metragem para o Oscar. Os festivais classificatórios incluem o Sundance Film Festival, Ann Arbor Festival, Tribeca Film Festival, LA Shorts Fest, Hollyshorts, Austin Film Festival e muitos outros.

 

Compile uma lista de festivais de cinema de que quer participar e anote os gêneros que aceitam, os limites de tempo, os prazos de inscrição e as regras especiais. Isso ajudará você a apresentar o trabalho certo no momento certo.

 

Pense em como você pode concretizar sua visão no formato de curta. Você poderia ganhar um Oscar. “Não tenha medo de tentar”, diz Yonov. “Também não tenha medo de falhar. Não tenha medo de sair por aí com alguns amigos e filmar alguma coisa. Nunca se sabe. Você pode criar algo muito bom.”

Colaboradores

Faça mais com o Adobe Premiere Pro.

Crie vídeos com visuais espetaculares em qualquer lugar, para cinema, TV e Web.

Você também pode gostar...

Uma pessoa filmando a si mesma com uma câmera DSLR em um tripé de selfie

Comece a criar vlogs.

Saiba começar no mundo dos vlogs e criar um público.

Mulher no sofá lendo um livro com seu gato.

Como começar a criar storyboards.
Veja como essa técnica de narrativa artística ajuda a levar ideias para a telinha e as telonas.

Monitor de vídeo para uma câmera

Produção de vídeo.

Conheça o processo de criação de vídeos ou filmes, desde a primeira versão até a versão final.

Microfone boom em um estúdio de podcast.

Noções básicas de podcast.

Confira o essencial para entrar no universo dessa mídia de áudio popular.

Tenha o Adobe Premiere Pro

Crie obras de arte com o software de edição de vídeos líder do setor.

Após 7 dias grátis, 24,59 €/mês.