Crie beleza e encontre a paz interior com a arte e o design da mandala.

Descubra a história do design das mandalas e receba dicas para desenhar sua própria versão desse símbolo sagrado.

Arte colorida de mandala

O que é mandala?

No antigo idioma sânscrito do hinduísmo e do budismo, mandala significa “círculo”. Tradicionalmente, mandala é um design ou padrão geométrico que representa o cosmos ou as deidades em vários mundos celestiais. “Trata-se de encontrar a paz na simetria do design e do universo”, diz a artista Saudamini Madra.

 

A artista e professora de matemática Fernanda Bonafini começou a criar mandalas por prazer. “No processo de desenhar uma arte de mandala, você se sente muito mais calmo e tranquilo, e seus batimentos cardíacos e respiração desaceleram. A sensação na mente e no corpo e a conexão entre eles são muito boas”, diz Bonafini. 

 

Pessoas de diferentes culturas em todo o mundo criaram mandalas, o que sugere que a forma conversa com o íntimo de todo ser humano. O brilhante psicanalista Carl Jung acreditava que a mandala representava o Self e que desenhar uma mandala oferece à pessoa um espaço sagrado pra se encontrar com esse Self. Ele achava que criar mandalas era uma forma de terapia artística eficiente, ajudando a acalmar e confortar pessoas que sofriam de problemas de saúde mental.

 

Maias, astecas, aborígenes australianos e católicos europeus criaram mandalas de um modo ou de outro, mas eles são mais comuns na arte budista e hindu do subcontinente indiano.

Monges budistas fazendo uma mandala de areia
Mandala hindu

Mandalas de areia dos budistas.

Por séculos, os monges budistas tibetanos criaram diagramas cósmicos usando areia colorida. À medida em que colocam cada grão de areia intencionalmente usando funis de metal e varetas, os monges entram em um estado de fluxo. Quando se aproximam do ponto central da arte, experimentam a transcendência do Self e a realidade de um universo em que todos os seres estão livres de sofrimentos. Então, após dias ou semanas de trabalho, eles praticam o desapego e demonstram a impermanência de tudo destruindo a mandala.

Mandalas hindus.

Também chamadas de yantras, as mandalas chegaram ao hinduísmo pelo budismo. Os yantras tradicionais são quadrados, com uma abertura de cada lado, ao redor de um círculo que contém um dos deuses hindus. Por meio da criação meditativa de uma mandala, o artista convoca o deus em questão para ajudar a descobrir verdades cósmicas.

Pessoa desenhando uma mandala

Como desenhar sua mandala.

Comece com um esboço da ideia que deseja criar. Escolhe entre as formas circular e retangular e a cor preta ou branca. Convém desenhar pétalas e folhas para fazer uma mandala floral. Mas não se preocupe se não tiver certeza do que quer. “Às vezes, não sei muito bem o que estou fazendo”, afirma Madra. “Eu começo pela camada menor, o círculo do meio e, depois, vou aumentando até que tudo mude. Gosto do fluxo livre.” Se precisar de inspiração, estude os padrões ao seu redor para ver as possibilidades ou procure alguns exemplos de mandalas no Behance.

 

O primeiro passo de qualquer mandala é criar uma grade. “Queremos que ela seja simétrica e que todos os padrões sejam iguais”, diz Madra. Bonafini sugere desenhar linhas de grade que cruzem o círculo a cada 30 ou 45 graus. Independentemente da forma geral ser quadrada ou circular, você pode começar no ponto central com um círculo. Depois, decida quais formas básicas você quer criar a partir desse círculo, como um U ou V invertido. Depois, a próxima camada deve ser ligeiramente diferente. Convém alterar um pouco a forma e preenchê-la com traços ou cores diferentes. “É o mesmo padrão, mas essas pequenas variações darão um toque diferente depois que a peça estiver concluída”, diz Madra.

 

Se você não sabe quais padrões deve aplicar, estude aqueles de que gosta em outras mandalas. Escolha os padrões que chamam a sua atenção e combine como preferir. Bonafini recomenda praticar os padrões sozinhos antes de colocá-los em um círculo. “Tente treinar seu braço para fazer o movimento de modo que os padrões fiquem do mesmo tamanho. Isso é o que faz a mandala ser esteticamente agradável.” 

 

Madra sugere coletar os padrões de que você gosta. “Crie um repositório de padrões, então, sempre que sentir que está travado ou que está desenhando os mesmos padrões o tempo todo, poderá consultar o repositório.” 

Um desenho colorido de mandala

A vantagem do desenho digital.

Você não precisa desenhar na areia ou com canetinha para criar uma bela mandala. Bonafini adora desenhar no tablet. “Posso criar e, caso não goste, posso apagar. Posso fazer o mesmo padrão várias vezes. No papel, se eu imaginar algo e não funcionar, perco todo o restante.” Além disso, um tablet permite levar todos os suprimentos artísticos para qualquer lugar. Você poderá aumentar sua mandala sempre que quiser. 

Economize tempo com a simetria.

Crie belas mandalas sem perder tempo usando as opções de simetria no Adobe Photoshop. Você pode chegar a uma simetria instantânea clicando no ícone de borboleta na barra de opções para abrir o menu Simetria de pintura.

 

Selecione Radial ou Mandala para dividir o círculo em segmentos. A opção Radial permite escolher até 12 segmentos, e cada pincelada se repete ao redor do ponto central. Com a opção Mandala, você pode escolher até 10 segmentos por vez, e cada marca que você faz na tela será espelhada e repetida em cada segmento. É fácil e hipnotizante, e você pode se surpreender com a beleza que consegue criar rapidamente. 

 

Em uma nova camada, selecione Pincel, Caneta ou Borracha. Lembre-se de que você pode variar suas pinceladas e usar técnicas de aquarela e, se quiser manter cada anel em uma camada separada, poderá alterar as linhas ou o sombreado de um anel sem precisar ajustar os demais. 

 

À medida que ganhar mais experiência e adicionar complexidade aos seus padrões, tenha em mente o conselho de Madra aos iniciantes: “Lembre-se sempre dos três Ps: prática, paciência e perseverança.”

 

Colaboradores

Faça mais com o Adobe Photoshop.

Crie belas imagens com pincéis do PhotoshopPreenchimento sensível ao conteúdoefeitos para fotosFiltros neuraisSubstituição de céu e as diversas ferramentas usadas por fotógrafos.

Confira a família de aplicativos do Photoshop.

Você também pode gostar...

Bailarinas se apresentando no palco — Velocidade do obturador na fotografia | Adobe

Entenda a velocidade do obturador.

Descubra como ajustar a velocidade do obturador pode ajudar a capturar fotos nítidas ou momentos de ação.

Arte vetorial de uma chita sob o luar.

O que é arte vetorial?

Saiba mais sobre como criar arte e ilustração com este tipo de arquivo versátil.

Microfone boom em um estúdio de podcast.

Noções básicas de podcast.

Confira o essencial para entrar no universo dessa mídia de áudio popular.

Foto de um par de saltos vermelhos exibidos em um programa de edição de fotos

Dicas de fotografia de produtos avançadas.

Saiba como preparar seus produtos e confira dicas para capturar fotos de produto impressionantes.

Encontre o plano da Creative Cloud ideal para você.