Arquivos EPS.

Gerencie gráficos vetoriais e prepare suas imagens para impressões de alta resolução com o formato de arquivo EPS (Encapsulated PostScript), o padrão da indústria para impressão profissional. Descubra mais sobre como usar arquivos EPS e como eles se comparam a outros formatos.

Imagem do banner do EPS

O que você aprenderá.

 

  • O que é um arquivo EPS?
     
  • História do arquivo EPS
     
  • Para que os arquivos EPS são usados?
     
  • Prós e contras dos arquivos EPS
     
  • Como abrir um arquivo EPS
     
  • Como criar e editar um arquivo EPS
     
  • Arquivos EPS: perguntas frequentes

 

 

O que é um arquivo EPS?

O EPS é um formato de arquivo vetorial usado para impressão de imagens profissionais e de alta qualidade. Impressoras PostScript e image setters normalmente utilizam EPS para produzir imagens complexas e detalhadas, como publicidade em outdoors, cartazes grandes e materiais de marketing que chamam a atenção. 

 

Os arquivos EPS também:

 

  • Contêm dados de bitmap que armazenam a codificação individual em cor e tamanho. Isso significa que a imagem mantém sua resolução independentemente da escala.
     
  • São usados por ilustradores e designers gráficos em ferramentas como o Adobe Illustrator.
     
  • Oferecem compatibilidade com versões anteriores e são um dos formatos mais usados pelos impressores profissionais. 

 

 

História do arquivo EPS.

A Adobe criou o Encapsulated PostScript no fim dos anos 80, e ele se tornou uma das primeiras escolhas de arquivo de imagem para o setor de design. O formato foi projetado para facilitar a incorporação de imagens e ilustrações em criações predominantemente baseadas em texto. O formato do arquivo EPS também podia ser renderizado para visualização antes da impressão, o que não era possível anteriormente.

 

O EPS tornou-se um dos padrões da indústria para impressores profissionais, pois é compatível com a maioria dos principais fabricantes de hardware de impressão e image setters. A tecnologia EPS, embora ainda em uso, foi em grande parte substituída por formatos de arquivos nativos.  

 

Como os arquivos EPS contêm dados específicos de imagens, eles são um formato útil para imagens que precisam ser dimensionadas.  

 

 

Para que os arquivos EPS são usados?

Os arquivos EPS têm uma variedade de usos para criar e imprimir imagens.

 

Formato legado.

Embora tenham sido substituídos por formatos de arquivo mais modernos como PDFs, os arquivos EPS ainda funcionam como formato legado compatível com quase todos os sistemas e softwares. 

 

Impressão.

Muitos impressores profissionais usam os arquivos EPS para trabalhos em grande escala. A compatibilidade retroativa do formato o torna adequado para uma ampla gama de impressoras, incluindo aquelas que não aceitam formatos mais modernos como o PDF. Os dados do EPS também são facilmente renderizados em grandes detalhes pelas máquinas de gravação controladas por computador.

 

Outdoors. 

Como os dados de imagem individuais são armazenados em arquivos vetoriais, os arquivos EPS mantêm uma boa resolução independentemente da escala. Isso os torna ideais para imagens expandidas, como outdoors e outros materiais de marketing em larga escala. 

 

Descubra mais arquivos vetoriais

 

 

Prós e contras dos arquivos EPS.

Assim como a maioria dos formatos de arquivo, o EPS é usado de várias maneiras. Veja a seguir as principais vantagens e desvantagens dos arquivos EPS:

 

Vantagens dos arquivos EPS.

  • O formato EPS é ideal para dimensionar imagens. Os dados de imagem que ele contém garantem uma boa resolução, mesmo quando esticados ou expandidos para proporções maiores.
     
  • Os dados de imagem EPS beneficiam-se de uma compactação sem perdas. Isso garante que a qualidade da imagem permaneça alta, mesmo quando o arquivo é reduzido.
     
  • A maioria dos impressores profissionais de hoje consegue usar facilmente os arquivos EPS, o que torna esse formato uma escolha universal para trabalhos de impressão maiores.

 

Desvantagens dos arquivos EPS.

  • Os arquivos EPS consistem de dados matemáticos que determinam como a imagem será exibida em uma visualização em miniatura. Definir as configurações da imagem antes de criar o arquivo EPS pode levar tempo, o que nem sempre é conveniente para ambientes de trabalho de ritmo acelerado. 
     
  • Depois de salvar um arquivo como EPS, você não pode mais editá-lo. Se você notar algum erro e quiser fazer edições, precisará retornar ao arquivo de projeto original para aplicar suas alterações antes de salvar novamente o EPS.
     
  • É necessário um software especializado para abrir arquivos EPS. Você precisará de um aplicativo como o Adobe Illustrator para ver e editar imagens EPS.

 

 

Como abrir um arquivo EPS.

As etapas para abrir um arquivo EPS dependem do dispositivo que você está usando. 

 

 

  1. Os usuários do macOS beneficiam-se do leitor incorporado no sistema. Com isso, os produtos da Apple renderizam facilmente arquivos EPS para exibição e visualização.
     
  2. Os sistemas Windows não têm nenhum recurso embutido para lidar com o formato EPS. Assim, você precisará de software adicional, como o Adobe Illustrator, para editar e visualizar quaisquer imagens. 

 

 

Como criar e editar um arquivo EPS.

Uma imagem Encapsulated PostScript consiste de informações bitmap e dados vetoriais. Somente as informações vetoriais são editáveis se você usar o software correto. 

 

Para criar um arquivo EPS:

 

  1. Depois que concluir o desenho de uma imagem no Illustrator ou em um programa similar, vá para Arquivo.
     
  2. Clique em Exportar.
     
  3. Escolha Exportar como EPS. 
     
  4. Especifique onde você quer que o documento seja salvo.
     
  5. Quando solicitado, selecione o intervalo de páginas que você deseja exportar.
     
  6. Defina outras opções adicionais.
     
  7. Verifique se suas imagens estão dentro da área da borda ou do acabamento da página.
     
  8. Clique em Exportar. 
     

Para editar arquivos EPS, você precisará de software especializado, como o Adobe Illustrator.

 

 

Arquivos EPS: perguntas frequentes.

PDF é melhor que EPS?

Os PDFs são editáveis e compatíveis com mais sistemas operacionais. Entretanto, talvez você prefira o EPS se estiver usando máquinas de impressão mais antigas.

 

Posso abrir o EPS no Photoshop?

Você pode abrir arquivos EPS no Photoshop, mas a imagem será rasterizada, ou seja, será bloqueada para edição.

 

Os arquivos EPS são abertos automaticamente em um Mac?

Os dispositivos macOS podem abrir arquivos EPS sem o uso de um pacote de software adicional. Os dispositivos Windows precisam de um software especializado.

 

O formato EPS está obsoleto?

Os arquivos EPS ainda são usados. A compatibilidade retroativa torna-os uma boa opção para trabalhos de impressão profissional. No entanto, os designers gráficos talvez achem os arquivos AI (Adobe Illustrator) mais úteis para a edição. 

 

Qual é melhor: SVG ou EPS?

Os arquivos SVG geralmente são mais úteis para design de sites, construção ao vivo e criação de imagens. Entretanto, eles não oferecem a mesma resolução de impressão que um arquivo EPS. É melhor considerar o resultado antes de escolher o tipo de arquivo de imagem a ser utilizado.

Saiba mais sobre tipos de arquivos semelhantes aos EPS.

Imagem de arquivo PNG

Arquivos PNG

Saiba mais sobre os arquivos PNG e onde usar esse formato de imagem.

Imagem de arquivo JPEG

Arquivos JPEG

Descubra a história do arquivo JPEG e como lidar com esse formato de imagem comum.

Imagem de arquivo TIFF

Arquivos TIFF

Saiba mais sobre os arquivos TIFF e a melhor maneira de gerenciá-los.

Imagem de arquivo GIF

Arquivos GIF

Conheça os GIFs e saiba mais sobre esse pequeno formato de vídeo. 

Compare EPS com outros tipos de arquivos.

Imagem de arquivo EPS versus SVG

EPS versus SVG

Veja a diferença entre esses dois formatos populares de arquivos vetoriais.

Imagem de arquivo AI versus EPS

AI versus EPS

Veja uma comparação entre esses dois tipos de arquivo quando se trata de salvar e compartilhar ilustrações de alta qualidade.

Adquira o Adobe Illustrator

Crie ilustrações e artes vetoriais incríveis.

Após 7 dias grátis, R$90,00/mês.